MENSAGEM

FOFOCA SANTA – VOCÊ JÁ FOI VÍTIMA DISSO?

Há um mal nas igrejas que a maioria já conhece e que deveria ser combatido em todo o tempo entre os religiosos de plantão.

PESSOAS FOFOQUEIRAS

Pessoas que não tem com o que se ocupar, muito orgulhosas, insatisfeitas consigo mesmas e com uma mania irritante de criticar ou se intrometer na vida alheia. Estas pessoas fofoqueiras são insatisfeitas consigo mesmas e adoram falar horas e horas a respeito de qualquer pessoa, pois suas próprias vidas são monótonas, paradas e vazias.

Qualquer notícia a seu respeito é um “flash”. Acabar com a sua vida ou piorar a sua fama é o maior objetivo deste tipo de pessoas.

GENTE DESOCUPADA FALANDO DA SUA VIDA

Eu poderia dar muitos exemplos da maneira que estas pessoas desocupadas usam o precioso “tempo” para falar algo a respeito de outrem, mas seria perca de tempo porque este tipo de pessoa sempre dá um jeito de falar mal do próximo.

Você pode ser um exemplo de pessoa, porém, se fizer alguma coisa que desagrada alguém é motivo para você se tornar a pior pessoa do mundo. Para esse tipo de pessoa você nunca é mais e nem menos. Eles costumam olhar você com aqueles olhos altivos e sempre menosprezando ou minorizando o que você pensa, faz ou deixa de fazer.

Quem dera se esses fofoqueiros se convertessem!!!

FOFOQUEIROS DE PLANTÃO

Está escrito na Palavra de Deus em Tiago 3:5 e 6
Assim também a língua é um pequeno membro, e gloria-se de grandes coisas. Vede quão grande bosque um pequeno fogo incendeia.
A língua também é um fogo; como mundo de iniquidade, a língua está posta entre os nossos membros, e contamina todo o corpo, e inflama o curso da natureza, e é inflamada pelo inferno.

Não existe fofoca santa e nem fofoqueira santificada.

CONTANDO UMA FOFOCA SANTA

Quem usa a língua para falar mal, dar palpite fora de hora, opinar sem ser perguntado, xingar, ofender e qualquer outra coisa ruim ou abusiva é condenável, ou seja, a pessoa permite que seja julgada e dá a mesma liberdade à outra pessoa por suas atitudes.

Como é difícil conviver com quem não sabe manter a língua dentro da boca.
Nem sempre ser sincero demais ou dizer uma verdade destrutiva é questão de autenticidade.
Ninguém mede a santidade de alguém falando a seu respeito e nem mede a si mesmo falando mal a seu próprio respeito.

GENTE LINGUARUDA

Que tal começar a pensar antes de sair falando o que soube a respeito de fulano ou perguntar pra pessoa se é verdade?

Que tal tomar vergonha na cara e começar a aceitar as decisões, as chateações e os sentimentos dos outros?

Que tal dar mais valor a sua vida do que a dos outros?
Não está satisfeito com sua vida… vá se converter!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s